Acreditação de laboratórios pela norma ISO 17025:2017
0.0 (0 ratings)
Course Ratings are calculated from individual students’ ratings and a variety of other signals, like age of rating and reliability, to ensure that they reflect course quality fairly and accurately.
0 students enrolled

Acreditação de laboratórios pela norma ISO 17025:2017

Saiba como selecionar, verificar e validar métodos de ensaios.
New
0.0 (0 ratings)
Course Ratings are calculated from individual students’ ratings and a variety of other signals, like age of rating and reliability, to ensure that they reflect course quality fairly and accurately.
0 students enrolled
Last updated 3/2020
Portuguese
Portuguese [Auto-generated]
Current price: $129.99 Original price: $199.99 Discount: 35% off
18 hours left at this price!
30-Day Money-Back Guarantee
This course includes
  • 2 hours on-demand video
  • Full lifetime access
  • Access on mobile and TV
  • Certificate of Completion
Training 5 or more people?

Get your team access to 4,000+ top Udemy courses anytime, anywhere.

Try Udemy for Business
What you'll learn
  • Os alunos aprenderão a selecionar, verificar e validar métodos de ensaio e calibração.
Requirements
  • Desejável que o aluno trabalhe na área como gestor de laboratório ou técnico que conduz ensaios e calibração.
Description

A revisão 2017 do documento normativo ABNT NBR ISO/17025, traz não só mudanças no texto, mas também de conteúdo. O objetivo deste treinamento é dar aos gestores de laboratório, bem como aos técnicos que conduzem ensaios e calibração, as ferramentas necessárias para torná-los capazes de selecionar, verificar ou validar métodos de ensaios e calibração. Para os profissionais que já conduzem este trabalho, o curso busca atualizá-los com os conceitos usados na atualidade.

As regras aqui mostradas são as utilizadas para atender as diretrizes da norma NBR ABNT ISO/IEC 17025:2017, além da legislação das organizações de inspeção em áreas específicas.

Who this course is for:
  • Todos os profissionais que conduzem ou têm a intenção de conduzir análises químicas ou calibração em laboratórios que aplicam conceitos de gestão da qualidade, já acreditados ou não.
Course content
Expand 8 lectures 02:05:57
+ Introdução
8 lectures 02:05:57

Aula 1 - Apresentação do facilitador e foco atual de trabalho

00:13 - Projeto EAD
00:44 - Apresentação do facilitador e Foco atual de trabalho
01:56 - Agenda
03:53 - Introdução
04:49 - Termos e definições - Parte 1
06:31 - Termos e definições - Parte 2
07:40 - Norma ABNT NBR ISO/IEC 17025:2017
08:39 - Encerramento

Preview 09:01

Aula 2 - Proposta de um Sistema de Gestão

00:13 - Proposta de um sistema de gestão
01:35 - Rotina de gestão
02:02 - Rotinas de Suporte
02:20 - Rotinas de Operação
02:50 - Atendimento ao cliente: Análise crítica de pedidos, propostas e contratos
04:17 - Atendimento ao cliente: Fluxograma
06:21 - Rotina de operação: Seleção e verificação de métodos #1
06:58 - Rotina de operação: Seleção e verificação de métodos #2
09:20 - Estrutura da documentação
09:55 - Desempenho do método de ensaio
11:18 - Relação entre validação do método, controle de qualidade dos resultados e garantia da validade dos resultados
12:04 - Encerramento

Preview 12:20

Aula 3 - Abordagem Científica X Abordagem Metrológica

00:13 - Abordagem Científica x Abordagem Metrológica
02:02 - Rastreabilidade e Confiabilidade das medições
02:49 - Confiabilidade metrológica
03:49 - Composição do erro de um resultado
05:36 - Abordagem metrológica
07:19 - Garantia da medição
08:00 - Exatidão da calibração: Análise crítica do certificado de calibração
08:31 - Exatidão da calibração: Tolerância de instrumentos
09:05 - Encerramento

Abordagem Científica X Abordagem Metrológica
09:31

Aula 4 - Precisão da operação/processo #1

00:13 - Precisão da Operação/Processo #1
01:25 - Precisão da Operação/Processo #2
02:48 - Parâmetros para verificação do método
04:46 - Critérios de aceitação: Exemplo
05:44 - Atendimento à legislação: Exemplo
06:53 - Conduzindo a linearidade: Definição
08:51 - Conduzindo a linearidade: Critérios de conformidade
10:43 - Conduzindo a linearidade: Guia 10/2017 R01 da ANVISA para linearidade
11:46 - Conduzindo a linearidade: Limitações da Equação da Regressão Linear
12:50 - Conduzindo a linearidade: Limitações da Equação da Regressão Linear #2
13:38 - Conduzindo a linearidade: Limitações da Equação da Regressão Linear #3
14:41 - Conduzindo a linearidade: Exemplo de avaliação da curva de calibração
15:39 - Orientações para avaliar a linearidade: Recomendações
16:52 - Encerramento

Precisão da operação/processo
17:30

Aula 5 - Calibração em ensaios: entendendo a curva de calibração

00:13 - Calibração em ensaios: Entendendo a curva de calibração
01:49 - Calibração em ensaios: Calibração direta e Calibração indireta
03:27 - Calibração em ensaios: Curva de calibração
04:39 - Calibração em ensaios: Gráfico da curva de calibração
06:26 - Calibração em ensaios: Ajuste da regressão pelo método dos mínimos quadrados
07:37 - Calibração em ensaios: Condição de homocedasticidade e heterocedasticidade da curva
09:27 - Calibração em ensaios: ANOVA
11:10 - Calibração em ensaios: Dados experimentais, cálculo e ANOVA
11:48 - Calibração em ensaios: Condição de modelo reduzido e modelo completo
12:52 - Calibração em ensaios: Condição de modelo reduzido e modelo completo, exemplo
13:51 - Calibração em ensaios: Incerteza da curva de calibração
14:49 - Calibração em ensaios: Incerteza da curva de calibração (exemplo)
15:38 - Encerramento

Calibração em ensaios: entendendo a curva de calibração
15:53

Aula 6 - Conduzindo a linearidade: planejamento e preparo

00:13 - Conduzindo a linearidade: Planejamento e Preparo
01:18 - Conduzindo a linearidade: Análise Crítica
01:49 - Planilha de verificação de métodos analíticos
06:05 - Planejamento e Preparo e Consução da medida
06:59 - Bário em água reagente
07:53 - Análise crítica do algoritmo obtido: Avaliação dos operadores da regressão linear
09:27 - Análise crítica do algoritmo obtido: Valores aberrantes por Grubbs
10:26 - Análise crítica do algoritmo obtido: Valores aberrantes por Cochran
11:17 - Análise crítica do algoritmo obtido: Avaliação visual do gráfico dos resíduos
12:14 - Análise crítica do algoritmo obtido: Avaliação dos resíduos
13:55 - Análise crítica do modelo: Ação tomada - Divisão das faixas de concentração
15:31 - Análise crítica do algoritmo obtido: Gráfico dos resíduos
16:23 - Análise crítica do algoritmo obtido: Teste de hipótese usando ANOVA
17:04 - Análise crítica do algoritmo obtido: Incerteza da curva de calibração
17:52 - Encerramento

Conduzindo a linearidade: planejamento e preparo
18:37

Aula 7 - Validação da linearidade segundo ISO 8196-2:2009 / IDF 128-2:2008

00:13 - Validação da linearidade, segundo ISO 8196-2:2009/IDF 128-2:2008
01:21 - ISO 8196-2:2009/IDF 128-2:2008: Parâmetros e critérios
02:09 - ISO 8196-2:2009/IDF 128-2:2008: Interpretação
03:11 - Conduzindo a Exatidão: Definição
04:31 - Conduzindo a Exatidão: Planejamento, Condução e Análise crítica
05:20 - Conduzindo a Exatidão: Planejamento, Condução e Análise crítica #2
06:52 - Conduzindo a Exatidão: Resultados
07:36 - Conduzindo a Exatidão: Avaliação da recuperação percentual
08:37 - Conduzindo a Precisão: Definição
09:58 - Conduzindo a Precisão: Planejamento e Condução
11:17 - Conduzindo a Precisão: Adequabilidade do sistema analítico
12:36 - Conduzindo a Precisão: Resultados
14:09 - Conduzindo o estudo da sensibilidade: Definição
15:15 - Conduzindo o estudo da sensibilidade: Critérios de avaliação de LD
17:12 - Conduzindo o estudo da sensibilidade: Resultados obtidos
18:17 - Declaração de conformidade do método verificado
19:54 - Encerramento

Validação da linearidade segundo ISO 8196-2:2009 / IDF 128-2:2008
20:35

Aula 8 - Precisão do Processo

00:13 - Precisão do processo
01:39 - Parâmetros para validação de métodos
03:00 - Estratégia para validar métodos de ensaio
03:58 - Parâmtros críticos
04:45 - Planejamento experimental: Teste de Youden para a Robustez
05:53 - Planejamento experimental: Teste de Youden para a Robustez #2
07:09 - Teste de Youden: Exemplo
08:15 - Conduzindo a seletividade: Exemplo - Definição
10:46 - Conduzindo a seletividade: Exemplo - Definição #2
12:08 - Conduzindo a seletividade: valores discrepantes de Grubbs
12:36 - Conduzindo a seletividade: algoritmo de regressão
13:27 - Conduzindo a seletividade: teste de hipótese
14:50 - Conduzindo a precisão (condições de reprodutibilidade): Definição
16:16 - Conduzindo a precisão (condições de reprodutibilidade): Definição #2
17:43 - Conduzindo a precisão (condições de reprodutibilidade): Condução
18:41 - Conduzindo a precisão (condições de reprodutibilidade): Resultados
19:58 - Declaração de conformidade do método validado
21:55 - Encerramento

Precisão do Processo
22:30